< 12 >

Revolução dos Cocos

 



A história da primeira revolução ecológica do mundo.

"A história contada por esse documentário é tão incrível, que poderia ser uma fábula. Imagine a população de uma ilha – desapropriada por uma concessão de extração de cobre – cansada de ver suas matas serem destruídas, sabotam as instalações da maior mineradora do mundo. Depois disso, enfrentam com flechas, as metralhadoras do país que domina a ilha, depois enfrentam o militares da Austrália, depois os mercenários e um embargo de 7 anos. Como conseguir armas, alimentos, combustíveis, energia elétrica e medicamentos com o embargo? Criatividade, otimismo e força de vontade transformaram esse povo da ilha de Bougainville num dos melhores exemplos de sustentabilidade e resistência do mundo".

Você já viu esse filme antes: uma corporação ou governo se instala em uma região nova, explora seus recursos e sua população até o ponto de ruptura, desencadeando uma revolta dos nativos que se valem de armas e instrumentos simples, muitas vezes providos pela própria natureza.Várias obras de ficção já abordaram tal assunto, com Avatar sendo o mais recente. Porém a realidade pode ser muito mais interessante e fantástica: 30 anos atrás teve início uma guerra iniciada por ilhéus em busca de sua independência, que usaram sua engenhosidade e conhecimentos da floresta e conseguiram vencer até o outrora império em que o Sol não se punha.

Um documentário produzido pela National Geographic, com título The Coconut Revolution, relata a luta do povo de Bougainville contra a mineradora inglesa multinacional Rio Tinto Zinc, e depois por sua independência.

Além disso, este documentário mostra também que os separatistas conseguiram uma verdadeira revolução, social e ecológica, superando um fatal bloqueio econômico através da recuperação e invenção de práticas autônomas de economia, medicina e outras.


Esta é a história da Guerra Civil de Bougainville ou, como é mais conhecida, da Revolução dos Cocos.




















Mark